Webmail    |    Fale Conosco

Quem Somos    |    Filie-se

  • 29 Setembro 2020

Sindicato pressiona e OZZ corrige salários dos enfermeiros do SAMU na rescisão

Direito é direito e dever ser cobrado sempre. Depois de o Sindicato dos Enfermeiros enviar um ofício à OZZ Saúde chamando a atenção para a diferença entre o que previa o contrato entre a OS e a Secretaria Estadual de Saúde e o salário efetivamente pago aos enfermeiros, os valores relativos a abril, maio, junho, julho, agosto e metade de setembro foram reajustados na rescisão, conforme a OZZ havia se comprometido com o SindEnfRJ.

No ofício datado de 18 de agosto (veja a íntegra no alto desta notícia), o sindicato assinala que, embora os enfermeiros estivessem recebendo apenas o piso salarial da categoria - R$ 3.158,00, o orçamento acertado com o estado previa um salário de R$ 4.500 para os trabalhadores do SAMU. Agora, segue a luta para que o estado deposite os valores ainda pendentes, para o Tribunal Regional do Trabalho (TRT) repassar aos trabalhadores.

Também são essenciais a anulação do edital do processo seletivo repleto de irregularidades da Fundação Saúde, que recrutou para o SAMU, e a recontratação imediata de todos os 1.400 trabalhadores.