Webmail    |    Fale Conosco

Quem Somos    |    Filie-se

  • 21 Junho 2017

Servidores do Hospital de Bonsucesso decidem boicotar o ponto eletrônico

Em assembleia realizada nesta terça-feira, 21 de junho, servidores de várias categorias profissionais da área da saúde do Hospital de Bonsucesso decidiram pelo boicote total ao ponto eletrônico. Apesar das inúmeras falhas e inconsistências do sistema, o Ministério da Saúde vinha tentando impor sua implantação. Antes que os trabalhadores acabassem prejudicados, inclusive com perdas salariais, o ponto não será registrado até que todos os problemas sejam sanados.

- É um absurdo que o Ministério da Saúde insista em empurrar goela abaixo esse ponto eletrônico repleto de inconsistências. Enquanto isso, o governo golpista opera o desmonte do SUS, com a ampliação das terceirizações, o fim dos contratos temporários sem quaisquer providências para a reposição de pessoal, a falta de insumos e o desabastecimento das unidades - denunciou a presidente do SindEnfRJ, Mônica Armada, durante a assembleia.

Os servidores lacraram o ponto. De nada adiantou a chefe do RH tê-lo deslacrado em seguida, pois o que vale é a força da decisão de boicotar o ponto. A assembleia, que estava lotada, contou com representantes da direção do SindEnfRJ, Sindisprev e Sindicato dos Médicos. A deputada e enfermeira Rejane também marcou presença.