Webmail    |    Fale Conosco

Quem Somos    |    Filie-se

 
  • 11 Março 2020

Enfermeiros farão manifestação e greve em 18 de março, Dia Nacional de Luta e Paralisações

Em assembleia que aconteceu nesta terça-feira (10), no Hospital de Bonsucesso, os enfermeiros aprovaram a realização de um ato, às 8h, em frente ao Hospital dos Servidores no dia 18 de março, além de greve na rede federal de saúde, se somando assim ao Dia Nacional de Lutas e Paralisações em Defesa do Serviço Público, Educação, Estatais, Emprego e Salário, Soberania, Amazônia e Agricultura Familiar, marcado para 18 de março. Também foi agendada uma aula pública,  às 14h, na Candelária. 

É preciso barrar a reforma administrativa de Bolsonaro, que tem como principal alvo os direitos dos servidores. Outra proposta do governo encaminhada ao Congresso  é a redução do salário e da jornada dos servidores, diante de situações de "emergência econômica". Só a mobilização e a ocupação das ruas serão capazes de impedir a consumação dessa violência contra o funcionalismo público federal. 

A jornada de lutas de 2020 começou  com a mobilização das mulheres nos dias 8 e 9 e segue agora com os grandes atos convocados pela CUT, demais centrais sindicais e movimentos sociais para 18 de março, quando trabalhadores e trabalhadoras de todo o país farão paralisações e manifestações para mobilizar a sociedade contra os ataques do governo que destroem políticas públicas, desqualifica o atendimento prestado à população e precariza as relações e condições de trabalho dos servidores.