Webmail    |    Fale Conosco

Quem Somos    |    Filie-se

  • 30 Outubro 2020

Trabalhadores pressionam e Hospital de Bonsucesso promete reabrir setores não atingidos pelo incêndio

Depois de um ato de protesto dos trabalhadores do Hospital de Bonsucesso, realizado na manhã desta sexta-feira (30), a direção da unidade anunciou, durante reunião com representantes dos funcionários, que pretende reabrir já partir da semana que vem os setores não atingidos pelo incêndio. Um representante do Ministério da Saúde também participou do encontro. Os diretores do Sindicato dos Enfermeiros do Rio, e servidores do HFB, Marco Schiavo e Andrea Midori, estiveram presentes.

A reabertura das áreas respeitará os laudos periciais, segundo o diretor do hospital, Edson Santana. Gerou grande apreensão entre os servidores um documento do Ministério da Saúde determinado a transferência temporária de todos os profissionais da unidade. Mas agora a direção informa que somente os profissionais ligados à RioSaúde, empresa de saúde da prefeitura do Rio, serão remanejados. Os servidores estatutários e os de contrato temporário permanecerão no HFB.

Contudo, segue sendo motivo de forte preocupação a falta de um protocolo mínimo do hospital para lidar com os trabalhadores que participaram do resgate de pacientes e funcionários e inalaram fumaça. Muitos deles, provavelmente, sofreram abalo psicológico. Mas não há pessoal, nem equipe médica nem apoio psicológico previstos para receber esses profissionais de saúde em sua volta volta ao trabalho. O sindicato continuará pressionando e cobrando o HFB para que esses trabalhadores que tiveram um comportamento heroico sejam tratados com dignidade.