Webmail    |    Fale Conosco

Quem Somos    |    Filie-se

 
  • 30 Maio 2019

Movimento PCCS Já articula reação jurídica à ação apresentada por Witzel ao Supremo

Na manhã desta quinta-feira, 30 de maio, integrantes do Movimento PCCS Já, dentre eles o diretor do SindEnfRJ, Marco Schiavo, se reuniram com advogado do sindicato, Leonardo da Silva Oliveira, para traçar estratégias de enfrentamento à Ação Direta de Inconstitucionalidade (Adin) que o governador Wilson Witzel apresentou ao Supremo Tribunal Federal (STF) para barrar a implantação do PCCS dos servidores da saúde estadual. 

O ideia é reunir todos os argumentos, documentos e fundamentos possíveis, para instrumentalizar a Alerj, visando a contestação da Adin no Supremo. Em seguida, os dirigentes sindicais rumaram para a Alerj com o intuito de marcar o quanto antes uma reunião com presidente da Casa, deputado Andre Ceciliano, e com o procurador do Legislativo fluminense.