Webmail    |    Fale Conosco

Quem Somos    |    Filie-se

 
  • 25 Janeiro 2019

Diretora do sindicato denuncia em entrevista ao SBT e à Band OS Unir por não pagamento de salário e abandono da Upa de Cabuçu

A diretora do SindEnfRJ, Líbia Bellusci, acompanhada de outros enfermeiros e populares, deu entrevista nesta sexta-feira, 25/1, às emissoras de televisão SBT e Band denunciando os salários atrasados de dezembro dos trabalhadores de Upas da Baixada Fluminense, Zona Oeste e Tijuca, administradas pela OS Instituto Unir Saúde. A OS Divas também não pagou o mês de dezembro do pessoal da Upa de Duque de Caxias. 

A OS Unir até hoje não pagou os trabalhadores das seguintes Upas : Nova Iguaçu 1 (Upa Cabuçu), Nova Iguaçu 2 (bairro Botafogo), Upa Mesquita (Edson Passos), Upa Queimados, Upa Campo Grande I, Upa Campo Grande II, Upa Santa Cruz e Upa Tijuca. A Unir também não está depositando o FGTS.

Além disso, o estado de abandono da Upa de Cabuçu é chocante. Com leitos em péssimo estado, chão afundando e buracos nas paredes, por onde entram ratos e baratas, essa Upa é o retrato em preto e branco da irresponsabilidade na gestão de um serviço público essencial como é a saúde.