Webmail    |    Fale Conosco

Quem Somos    |    Filie-se

  • 21 Junho 2016

Tiroteio no Souza Aguiar expõe situação dramática dos hospitais públicos do Rio

O Sindicato dos Enfermeiros do Estado do Rio de Janeiro vem a público expressar seu pesar e sua indignação pela morte de um paciente e pelo ferimento do técnico de enfermagem Júlio César Basílio, vítimas do tiroteio entre um policial e criminosos, no Hospital Souza Aguiar.

A falta crônica de segurança que possibilitou o resgate de um traficante se insere num quadro caótico de abandono das unidades públicas de saúde do município e do estado, com carência de profissionais e falta de insumos e equipamentos.

O SindEnf-RJ manifesta seu sentimento de pesar e presta solidariedade aos familiares do paciente morto, além de desejar pronto restabelecimento ao profissional de enfermagem baleado.

E estamos cobrando das autoridades a imediata elucidação desse crime, além de exigirmos melhores condições de trabalho e segurança para os servidores e para a população que demanda serviços de saúde nas unidades públicas.

Rio de Janeiro, 20 de janeiro de 2016

Mônica Armada - presidente do Sindicato dos Enfermeiros do Estado do Rio de Janeiro