Webmail    |    Fale Conosco

Quem Somos    |    Filie-se

 
  • 12 Fevereiro 2020

Presidente da Alerj promete votar derrubada do veto do governador ao PCCS em março

Em reunião com o Fórum dos Sindicatos Estaduais de Servidores, ocorrida nesta quarta-feira (12), na Alerj, o presidente do Legislativo fluminense, André Ceciliano, prometeu colocar em votação a derrubada do veto do governador Witzel ao PCCS dos servidores da saúde na segunda quinzena de março. O SindEnfRJ foi representado pelo diretor Marco Schiavo. 

Na ocasião, o Fórum, do qual o movimento PCCS Já faz parte, protocolou documento pedindo ao colégio de líderes da Casa também a derrubada do veto de Witzel ao projeto que estabelece uma data-base unificada para os todas as categorias do funcionalismo. Já o documento em defesa do PCCS da saúde, também protocolado, contou com a assinatura de todas entidades que integram o Fórum. 

Para se ter uma ideia da brutal injustiça da não efetivação do PCCS da saúde, atenção para este trecho de uma nota técnica do DIEESE sobre os salários dos servidores da saúde :

"De  maio de 1999 a dezembro de 2019, os salários foram corrigidos em percentuais que variaram entre 13,24% e 14,98%. Em igual período, a variação acumulada do INPC do IBGE foi de 258,58%. O reajuste necessário em janeiro de 2020, para a recomposição do poder de compra dos salários ao nível de 1999, varia de 211,87% (para o caso de profissionais de nível elementar) a 216,65% ( para o caso dos profissionais de nível superior, nível C)."